Meneguzzi Nenhum comentário

Além da falta de extensor para ventilação por meio de oxigênio, ambulância continua a transportar pacientes em excesso

Novas denúncias de falta de materiais na Unidade de Pronto Atendimento da Zona Norte (UPA Zona Norte) foram recebidas pelo vereador Alberto Meneguzzi (PSB), nesta sexta-feira, 31 de maio. De acordo com as informações, não há extensores – mangueiras para ventilação mecânica por meio de oxigênio – e outros insumos que não foram adquiridos pelo Instituto de Gestão e Humanização (IGH), empresa que administra o local.

Além disso, Meneguzzi já denunciou nas redes sociais e na tribuna do Legislativo que a ambulância da UPA Zona Norte, uma Fiat Doblò, transporta pacientes em número excessivo e também carrega pessoas com problemas psiquiátricos e pacientes eletivos no mesmo veículo. Ademais, o carro transita pela cidade, na maioria das vezes, sem a presença de um técnico de enfermagem e sem materiais como talas e extensores.

Durante esta semana também aconteceram pelo menos cinco demissões, entre elas técnicos de enfermagem, enfermeiros e funcionários da portaria e limpeza. De acordo com o vereador, o Ministério Público segue investigando as denúncias apresentadas por ele desde novembro de 2017. “Queremos que a direção do IGH seja responsabilizada pela falta de materiais e também de pessoal. Estamos iniciando um final de semana, que será de muito frio em não houve contratação de profissionais para compor a escala”, explica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *