Meneguzzi cobra mais fiscalização do Procon ao preço dos combustíveis

janeiro 14, 2020

Parlamentar acredita que não há reflexo da queda de preço anunciada pelo governo nos postos de Caxias

O vereador Alberto Meneguzzi/PSB se pronunciou na sessão representativa desta terça-feira (14), sobre uma notícia divulgada pela mídia nacional, onde o governo federal anunciou a redução de 3% no preço dos combustíveis nas refinarias. De acordo com o parlamentar, uma queda que não chegou às bombas, nos postos de Caxias do Sul.

Meneguzzi acredita que a medida não beneficia os consumidores caxienses. Além disso, de que há um acordo entre os revendedores para manter o preço alto. “A desculpa desses donos de postos, que mais são donos de cartéis do que qualquer outra coisa, é de que o governo aumentou nas refinarias, por isso que eles aumentam nas bombas. Mas agora, baixou nas refinarias. Irei enviar um documento ao Procon, para que ele faça uma investigação profunda e fique de olho nesses donos de postos. Já que os preços baixaram nas refinarias, que eles reduzam também o valor nas bombas”, ressaltou.

Combustíveis apresentam preços estáveis, aponta ranqueamento de Meneguzzi

agosto 17, 2018

Gasolina comum pode ser encontrada em Caxias do Sul com oscilação entre R$ 4,699 e R$ 4,799

O gabinete do vereador Alberto Meneguzzi (PSB) divulgou, nesta sexta-feira, 17 de agosto, novo ranqueamento dos preços praticados pelas revendas de combustíveis de Caxias do Sul. O levantamento revelou que, na semana entre os dias 10 e 16 de agosto, os valores se mantiveram estáveis nas bombas. Nesta semana, o litro da gasolina comum é vendido numa oscilação entre R$ 4,699 e R$ 4,799. Foram pesquisados 26 estabelecimentos.

Em relação a pesquisa divulgada em 10 de agosto, dos 23 postos que responderam a pesquisa, três deles reduziram o preço da gasolina. No entanto os valores foram pouco significativos e continuam elevados. Dois estabelecimentos baixaram o valor do etanol e três não responderam a pesquisa.

Compare os preços, analise, fiscalize e denuncie.

 

Ranking dos Postos 17-08

Meneguzzi reitera necessidade de maior fiscalização nos preços dos combustíveis em Caxias

maio 25, 2018

Entre 09 de janeiro e 08 de dezembro de 2017, foram 10 movimentações do gabinete do parlamentar; ele deve se reunir com o coordenador do Procon nos próximos dias

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) reiterou, nesta sexta-feira, 25 de maio, a necessidade de maior fiscalização nos preços dos combustíveis revendidos em Caxias do Sul. O parlamentar, que considera importante a manifestação dos caminhoneiros, paralisados há cinco dias, aponta, no entanto, que os caxienses são atingidos, em sua maioria, pelos reajustes feitos de forma repentina, nas bombas.

A preocupação de Meneguzzi se baseia, sobretudo, pela movimentação dos preços, a partir dos ranqueamentos realizados semanalmente pelo seu gabinete. O parlamentar tem manifestado, desde janeiro de 2017, a problemática instalada nos estabelecimentos que aumentam os preços imediatamente após os anúncios de majoração e não procedem da mesma forma quando a Petrobras anuncia redução no repasse às refinarias. Até o final do ano, foram 10 as movimentações do gabinete com relação ao assunto.

De acordo com os levantamentos realizados semanalmente pelo gabinete de Meneguzzi, de 08 de dezembro de 2017 a 24 de maio de 2018, o preço da gasolina comum variou entre R$ 4,209 e R$ 4,709. A semana em que os valores se mantiveram mais baixos foi entre 22/02 e 1º/03, com R$ 3,758 e o mais alto em 1º/03 e nesta quinta-feira, 24 de maio, com registros de R$ 4,799.

A primeira ação do parlamentar, realizada em 09 de janeiro de 2017, foi uma reunião com o coordenador do Procon, Luís Fernando Del Rio Horn. Durante o ano, Meneguzzi encaminhou quatro documentos o órgão e ao Executivo, onde pedia reforço na fiscalização aos reajustes praticados pelos postos. Ele ainda protocolou o Projeto de Lei Complementar 16/2017, que obrigava as revendas a divulgarem os percentuais e valores a serem reajustados com o mínimo de 36h de antecedência. A medida, no entanto, foi rejeitada pela maioria dos vereadores do Legislativo caxiense.

Nos próximos dias, Meneguzzi deve se reunir novamente com o coordenador do Procon para sugerir ações que combatam os preços abusivos ou propagandas enganosas.

Confere as indicações e projetos desenvolvidos pelo gabinete de Meneguzzi para a fiscalização dos postos de combustíveis em Caxias do Sul

Passos meneguzzi postos

 

Confere variação de preços nos postos de combustíveis em Caxias do Sul

Variação dos preços

Ranking dos combustíveis – 15/12/2017

dezembro 15, 2017

Serviço de utilidade pública será atualizado semanalmente

O gabinete do vereador Alberto Meneguzzi (PSB) divulgou, nesta sexta-feira, 15 de dezembro, a segunda edição do ranqueamento de preços praticados pelas revendas de combustíveis de Caxias do Sul. Ao todo, foram pesquisados 29 postos de diversas regiões da cidade. A gasolina comum é vendida ao valor mínimo de R$ 4,259, variação que aumentou R$ 0,05 em relação ao levantamento de 08 de dezembro.

O levantamento leva em conta as gasolinas comum e aditivada, o etanol e o óleo diesel. A intenção do parlamentar é atualizar a planilha periodicamente, ao menos uma vez por semana e disponibilizá-la no blog acredita.caxias.br, para consulta pública. “Dos 29 postos pesquisados, a maioria manteve os preços da última semana, sendo que quatro aumentaram os valores e apenas um reduziu o preço, sendo que a Petrobras anunciou redução de 2% tanto para o diesel quanto para a gasolina. Eu, como legislador e fiscalizador quero impedir a propaganda enganosa e os preços abusivos ao cidadão”, justifica.

Além disso, o aplicativo Acredita Caxias conta com um novo menu específico para receber denúncias de propaganda enganosa ou de preços acima da média.

 

ranking 2