Meneguzzi recebe lideranças e demandas do bairro Santa Lúcia

março 8, 2018

Entre as reclamações, o fim do projeto Canoagem para Idosos e alteração no programa Conviver

O presidente do Legislativo caxiense, Alberto Meneguzzi (PSB), recebeu, na tarde desta quinta-feira, 08 de março, representantes da Associação de Moradores do Bairro Santa Lúcia (Amob). Acompanhado pelo presidente, Gilfredo De Camillis, o grupo pediu o auxílio da Câmara Municipal na mediação do diálogo com a Fundação de Assistência Social (FAS) e a Secretaria Municipal do Esporte e Lazer (Smel) para a manutenção do projeto Canoagem para Idosos e do programa Conviver.

De acordo com as lideranças comunitárias, as aulas de canoagem, que aconteciam junto ao às represas do Complexo Dal Bó, foram encerradas em fevereiro de 2018, deixando a população dos cinco bairros atendidos desassistidos quanto às atividades de convivência e fortalecimento de vínculos. O projeto, que era mantido pelo Conselho Municipal do Idoso (CMI), por meio do Fundo Municipal do Idoso (FUMDI), atendia 75 idosos, com aulas duas vezes por semana.

Além das aulas, oferecidas de forma gratuita, os participantes contavam com transporte, alimentação e uniforme fornecidos pelo projeto. Os encontros eram realizados pela Associação Caxiense de Canoagem (Accan), com quatro professores de Educação Física.

A outra situação apresentada pelo grupo foi a mudança de horário das aulas do programa Conviver, no salão da comunidade. Segundo eles, as aulas de ginástica com os professores da Smel aconteciam às quartas-feiras pela manhã e, neste ano, passaram a ser realizados à tarde, o que estaria inviabilizando alguns idosos de participarem das atividades.

Meneguzzi recebeu os pedidos e irá encaminhá-los à Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo (CECTICDLT). O objetivo desse passo é que o grupo de parlamentares promova o entendimento e o diálogo entre as demandas da comunidade e os serviços a serem oferecidos pelo poder público. “Já fizemos contato com a Smel e com a FAS para entender o que está acontecendo. Com isso, vamos dar as respostas aos líderes comunitários e dar os encaminhamentos internos da Casa, para que se promova o diálogo sobre essas solicitações da população”, sublinha.

Diário da Presidência – 26/02/2018

fevereiro 26, 2018

Gabinete da Presidência

Vereador Alberto Meneguzzi

26 de fevereiro de 2018

08h – Reunião com a assessoria da presidência da Casa. Participaram do encontro, o diretor-geral, Rodrigo Weber, o chefe de Comunicação, Tales Armiliato e o assessor técnico das comissões, Mauro Cavagnollo. Foram tratadas as pautas para o bom andamento das atividades da Câmara.

Joevil Silva, da Amob Santa Fé, abordou problemas com a saúde, a mobilidade e a infraestrutura da comunidade – Foto Felipe Padilha

09h – Meneguzzi esteve reunido com os presidentes das associações de moradores dos bairros Santa Fé e Vinhedos. A iniciativa teve o objetivo de aproximar os líderes comunitários do Legislativo, com a finalidade de acolher as demandas e servir como ponte para os encaminhamentos ao Executivo. Na oportunidade, eles também relataram alguns problemas de suas comunidades, os projetos sociais e trabalhos realizados. A presidente da Associação de Moradores do Bairro (Amob) Vinhedos, Marta Gomes da Silva, relatou problemas com a coleta de lixo. Já o presidente da Amob Santa Fé, Joevil Reis da Silva, trouxe a dificuldade no acesso à Unidade Básica de Saúde (UBS), uma vez que existe falta de médico e o técnico de enfermagem está licenciado. Entretanto, a maior demanda apresentada foi referente à rotatória de acesso ao bairro, em frente à Codeca. Além disso, Silva destacou a falta de investimento em infraestrutura. O presidente da Câmara ressaltou a importância do encontro com as lideranças e a intenção do Legislativo de se aproximar e dar visibilidade às demandas e projetos das comunidades por meio de programas na TV Câmara. 

Meneguzzi colocou o Legislativo à disposição da entidade hospitalar – Foto Felipe Padilha

14h – Meneguzzi recebeu a visita da diretoria do Hospital Pompéia (HP). A comitiva foi comandada pelo superintendente-geral da entidade, Francisco Ferrer. Também participaram do encontro o diretor de planejamento, Gilberto Uebel, o superintendente financeiro, Ivanor Arcari, e a superintendente administrativa, Daniele Meneguzzi. O encontro serviu para a troca de informações sobre a situação financeira e dos atendimentos do HP. Ferrer informou que 82% da demanda pública é atendida, enquanto que o seu convênio prevê 60%. Meneguzzi comentou que irá sugerir ao presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, vereador Renato Oliveira, que convide os representantes dos hospitais que recebem recursos públicos para o estabelecimento de pautas comuns. Os visitantes foram presenteados com o livro “Democracia, Memória e Cidadania: 125 anos do Poder Legislativo em Caxias do Sul”.