Meneguzzi encerra o ano legislativo com 100% de presença nas sessões da Câmara

dezembro 15, 2017

Parlamentar votou a totalidade dos 148 projetos e 181 requerimentos apreciados pelo plenário

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) encerra o primeiro ano de mandato com algumas marcas a serem comemoradas. Dentre elas, a presença nas plenárias e votações. Desde a posse, em 1º de janeiro de 2017, o parlamentar participou das 129 sessões ordinárias e 14 extraordinárias. Além disso, esteve presente na totalidade das votações dos 148 projetos e 181 requerimentos do Legislativo caxiense.

Das 1.772 indicações redigidas até esta sexta-feira, 15 de dezembro, 284 foram protocoladas por Meneguzzi. Ele também apresentou 16 pedidos de informações ao prefeito e um à Viação Santa Tereza de Caxias do Sul (Visate). No campo dos projetos, o vereador apresentou 15 proposições, sendo oito Projetos de Lei, dois de Lei Complementar, quatro assinados em conjunto com a bancada do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e um feito em coletivo com o vereador Gustavo Toigo (PDT).

De acordo com a assessoria de imprensa da Câmara, que também arquiva as clipagens e desenvolve um ranking com o desempenho dos vereadores, Meneguzzi é o parlamentar mais citado pela imprensa de Caxias do Sul. Até esta sexta foram contabilizadas 403 inserções do nome do parlamentar nos veículos de comunicação.

A efetividade no atendimento e solução das demandas recebidas pelo aplicativo Acredita Caxias, lançado por Meneguzzi em setembro, também mostra a importância da abertura do legislador para um mandato digital. Até então, são mais de 300 downloads, 55 solicitações recebidas, das quais 45 já foram resolvidas ou estão em fase de atendimento/encaminhamento pelo Executivo, remontando a um percentual de 81,8%.

Além disso, Meneguzzi teve presença assídua nas comissões de Saúde e Meio Ambiente e de Educação da Câmara. Durante este ano, foi vice-presidente do Legislativo, onde substituiu o presidente, vereador Felipe Gremelmaier (PMDB) em diversas ocasiões. Participou, também da Comissão Temporária Especial para o Enfrentamento da Violência.

 

Mais informações sobre o primeiro ano de mandato de Alberto Meneguzzi

1 – Presença nas 129 sessões ordinárias e 14 extraordinárias

2 – Presença em todas as votações de projetos e requerimentos;

3 – Autor de 284 indicações ao Executivo e suas secretarias;

4 – Autor de 17 pedidos de informações, sendo 16 deles ao Executivo;

5 – Autor de 15 projetos de lei;

6 – Vereador mais lembrado pela imprensa de Caxias do Sul, com média superior a uma inserção por dia nos veículos de comunicação;

7 – Lançamento do app Acredita Caxias, com 81,8% de efetividade nas demandas;

8 – Lançamento do ranking semanal dos preços praticados pelas revendas de combustíveis de Caxias do Sul;

9 – Lançamento do blog acredita.caxias.br e da Acredita Rádio, segundo passo do mandato digital, em dezembro;

 

Pautas levantadas por Meneguzzi em 2017

1 – Mutirão e pacto pela saúde a fim de reduzir filas de espera para consultas, exames e procedimentos;

2 – Pela manutenção dos valores repassados às entidades assistenciais e projetos sociais;

3 – Manutenção do Fiesporte e contrário à redução de verbas para o edital 2018;

4 – Criação da Central de Atendimento ao Cidadão;

5 – Realização da Feira dos Distritos nos finais de semana em que seria a Festa da Uva 2018;

6 – Aumento do número de conselheiros tutelares;

7 – Criação da Agência Municipal de Empregos;

8 – Proponente do Programa Municipal do Primeiro Emprego;

9 – Troca de endereço do Ponto de Safra da rua Bento Gonçalves para a Praça Dante;

10 – Troca do endereço da Feira do Agricultor do Bairro Santa Catarina;

11 – Defesa das Associações de Moradores, comunidades e clubes de mães que sofreriam ação de despejo da prefeitura;

12 – Melhor atendimento na agência do INSS em Caxias;

13 – Manutenção e não sucateamento da Farmácia do IPAM;

14 – Projeto de Lei para garantir os direitos do consumidor e evitar preços abusivos e propagandas enganosas nos postos de combustíveis;

15 – Em defesa da realização de eventos pedagógicos – Festas Juninas – nas escolas municipais;

16 – Incentivo ao consumo de vinhos, sucos e derivados de uva produzidos em Caxias;

17 – Projeto de Lei que requer estrutura mínima dos CFCs, com água, banheiro e alojamento nos dias de provas práticas;

18 – Denúncias de irregularidades na administração da UPA Zona Norte, pelo IGH;

19 – Manutenção e não sucateamento do Postão 24h para justificar a terceirização;

20 – Projeto de Lei que regulamenta a Semana Municipal da Fotografia.

 

Projetos de Meneguzzi aprovados em 2017

1 – Incentivo do uso de vinhos, sucos e derivados de uva produzidos em Caxias, nos eventos, feiras e festas oficiais;

2 – Denominação de via pública no loteamento Villa Di Fillipo com o nome de Rua Ana Clara Adami;

3 – Institui a Semana Municipal da Fotografia, em agosto de cada ano;

4 – Institui o Dia do Ato pela Cultura da Paz – Ana Clara Adami, em 16 de julho de cada ano.

Meneguzzi solicita melhorias em área verde do loteamento Brandalise

dezembro 5, 2017

Moradores encaminharam demandas de esgoto a céu aberto e árvores em risco de queda

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) protocolou, nesta terça-feira, 05 de dezembro, indicações e ofícios às secretarias de Obras e Serviços Públicos e de Meio Ambiente, nos quais pede providências para área verde de propriedade do município, na avenida Pinheiros, no loteamento Brandalise. As demandas foram solicitadas pelos moradores, uma vez que representam risco à saúde e às moradias próximas.

A primeira situação denota de um esgoto a céu aberto. De acordo com os relatos, no local, estavam até restos de cães e gatos mortos, água e lixo. “A criançada usa o terreno para jogar futebol e brincar. É inadmissível que o espaço esteja ocupado por restos de animais ou mesmo por esgoto, oferecendo riscos de doenças e mesmo da criação de insetos e animais peçonhentos. Por isso, pedi às secretarias que façam uma vistoria e limpem o local”, justifica.

A segunda demanda é o pedido de supressão de duas árvores plantadas sobre o barranco da esquina da avenida Pinheiros com a rua Das Cerejeiras, que oferecem risco de queda sobre as residências próximas. Os documentos foram encaminhados com fotos anexadas e protocolo junto ao Alô Caxias.