Aplicativo de Meneguzzi registra quase 100% de efetividade no atendimento das demandas

julho 24, 2020

Em menos de três anos, foram mais de 350 demandas e 600 downloads

O aplicativo Acredita Caxias, idealizado pelo vereador Alberto Meneguzzi/PSB recebeu, desde janeiro deste ano, 147 demandas da população de Caxias do Sul. No acumulado de três anos, foram mais de 350 solicitações e 600 downloads do aplicativo, que atingiu a nota máxima de avaliação. Elas foram encaminhadas a diversos órgãos da administração pública e entidades privadas que prestam serviços aos consumidores.

Conforme estatística de acompanhamento das solicitações, realizada pelo gabinete do parlamentar, deste total, ate agora 142 foram atendidas. O percentual de efetividade é de 96%. Apenas cinco delas não foram atendidas na totalidade.

Este ano, entre as demandas mais encaminhadas foram sobre serviços públicos e, mais recentemente, por causa da pandemia, sobre cobranças excessivas nas contas de água e energia elétrica. Das 147 demandas protocoladas até esta sexta-feira (24), foram 55 sobre atendimento de saúde, 30 de educação, 20 contra as cobranças do Samae e 07 reclamando do valor cobrado na conta da RGE. Outras 35 solicitações foram de assuntos diversos, como problemas de pavimentação, iluminação pública, atraso e superlotação no transporte coletivo, entre outras.

O Acredita Caxias também contém um blog do vereador, caracterizando-se como uma forma mais ágil e fácil de o cidadão enviar suas demandas para o gabinete de Meneguzzi. Junto com as solicitações, podem ser enviadas fotos e vídeos sobre as demandas. “É um canal aberto 24 horas por dia para a população denunciar a má prestação de serviços públicos e privados, encaminhar suas demandas e também sugerir ações por parte do governo e do parlamento”, reitera Meneguzzi.

O aplicativo e o blog também servem para dar mais transparência ao trabalho do parlamentar. “Reunimos em uma única plataforma digital, também o acesso às informações sobre o meu mandato, em texto, áudio e vídeo. Recentemente, colocamos no ar a Rádio Acredita, que pode ser acessada pelo aplicativo e pelo blog, contendo música selecionada, notícias da minha atuação parlamentar e prestação de serviços comunitários”, ressaltou.

Para fazer o download do Acredita Caxias basta acessar a loja da Google Play, procurar pelo nome do aplicativo ou acessar o link https://goo.gl/NJGN4o.

Ouça a notícia em podcast

Reunião com a RGE define demandas apontadas por Meneguzzi

novembro 8, 2019

Distribuidora revela que casos apontados em audiência pública foram totalmente resolvidos

O vereador Alberto Meneguzzi/PSB se reuniu, na manhã desta sexta-feira (08), com o gerente de relacionamento da RGE, Rafael Dala Brida. O objetivo foi tratar de demandas de consumidores, encaminhadas pelo gabinete dele à direção da distribuidora.

O encontro também serviu para avaliar uma audiência pública indicada pelo integrante da Comissão de Agricultura, Agroindústria, Pecuária e Cooperativismo (CAAPC),  realizada no último dia 7 de março, sobre a transferência da estrutura funcional da empresa para São Leopoldo. O evento foi promovido pela Comissão de Desenvolvimento Urbano, Transporte e Habitação (CDUTH). Além disso, o encontro serviu para a apresentação de demandas de consumidores da zona rural de Caxias. Segundo Dala Brida, todos os pedidos encaminhados à distribuidora, durante a audiência, foram atendidos.

De acordo com Meneguzzi, o bom nível de relacionamento com a direção da empresa beneficia o atendimento das demandas. “Tenho encaminhado diversos pedidos à RGE e a grande maioria deles tem sido atendida pela empresa. Principalmente, na zona rural, onde se concentram ocorrências, com mais frequência devido às condições climáticas e à vegetação. Com diálogo e boa vontade podemos instituir um ambiente favorável aos consumidores”, ressalta.

Ouça a notícia em podcast

Meneguzzi visita comunidade de Santa Justina e confere demandas

fevereiro 21, 2019

Moradores apresentaram problemas com rede de esgoto na lateral da igreja da localidade

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) visitou, na tarde desta quinta-feira, 21 de fevereiro, a comunidade de Santa Justina, localidade que faz a divisa entre Caxias do Sul e Flores da Cunha. O parlamentar ouviu moradores que relataram problemas com uma rede de esgoto na lateral da igreja. Segundo Gilnei Sartor, os canos que atravessam o asfalto da VRS 331, também conhecida como Estrada Municipal Vereador Marcial Pisoni, estão obstruídos e não são suficientes para escoar a água da chuva.

Meneguzzi irá levar a demanda ao secretário de Obras e Serviços Públicos da prefeitura de Caxias do Sul e com o objetivo de intermediar uma visita ou encontro entre os moradores e o Executivo. “Precisamos estar sempre atentos às situações que a comunidade nos relata. Aqui, sobretudo nessa época de safra da uva, chove e a água acaba criando lâmina no asfalto e também barro nas proximidades da igreja. Queremos ser o meio de campo entre os moradores e o poder público”, salienta.

Na oportunidade, Meneguzzi também observou problemas no asfalto da estrada, que serve como via de escoamento da produção de uva. Ele deve solicitar ao município agilidade na realização da licitação para o recapeamento da camada asfáltica.

Meneguzzi pede que Executivo fiscalize e reconstrua quebra-molas da Perimetral Norte

fevereiro 5, 2019

Parlamentar percorreu trecho que recebeu nova capa asfáltica e percebeu que redutores não são respeitados

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) encaminhou, na tarde desta terça-feira, 05 de fevereiro, solicitação às secretarias de Obras e Serviços Públicos e de Trânsito, Transportes e Mobilidade para que o Executivo caxiense verifique e reconstrua os quebra-molas da Avenida Rubem Bento Alves, sentido Igautemi-Pavilhões, na pista de rodagem que recebeu nova capa asfáltica. Em vistoria no trecho, que se estende do Viaduto Campo dos Bugres até a Casa de Pedra, o parlamentar percebeu que os redutores não são respeitados, visto que foram diminuídos, em razão ao aumento da camada de asfalto.

Além dessa solicitação, Meneguzzi também encaminhou indicação à pasta das Obras, para que sejam feitos reparos no calçamento da rua Euzébio Beltrão de Queiróz, entre as ruas Governador Roberto Silveira e Dom Pedro II, no bairro Santa Catarina. A via é utilizada, semanalmente, para o comércio de hortifrúti, na Feira do Agricultor. A solicitação da Associação de Moradores (Amob) dá conta que os paralelepípedos soltos podem causar risco de queda, sobretudo aos idosos.

De acordo com o parlamentar, a comunidade tem buscado a intermediação do gabinete para suas demandas, sobretudo pela postura adotada. “Nossa missão, de fato, não é executar esses serviços, mas indicar, sugerir e não deixar ninguém sem respostas”, conclui Meneguzzi.

Desde o dia 02 de janeiro de 2019, o vereador já apresentou 47 indicações e outros 41 ofícios protocolados diretamente nas secretarias e outros órgãos.

Meneguzzi recebe lideranças e demandas do bairro Santa Lúcia

março 8, 2018

Entre as reclamações, o fim do projeto Canoagem para Idosos e alteração no programa Conviver

O presidente do Legislativo caxiense, Alberto Meneguzzi (PSB), recebeu, na tarde desta quinta-feira, 08 de março, representantes da Associação de Moradores do Bairro Santa Lúcia (Amob). Acompanhado pelo presidente, Gilfredo De Camillis, o grupo pediu o auxílio da Câmara Municipal na mediação do diálogo com a Fundação de Assistência Social (FAS) e a Secretaria Municipal do Esporte e Lazer (Smel) para a manutenção do projeto Canoagem para Idosos e do programa Conviver.

De acordo com as lideranças comunitárias, as aulas de canoagem, que aconteciam junto ao às represas do Complexo Dal Bó, foram encerradas em fevereiro de 2018, deixando a população dos cinco bairros atendidos desassistidos quanto às atividades de convivência e fortalecimento de vínculos. O projeto, que era mantido pelo Conselho Municipal do Idoso (CMI), por meio do Fundo Municipal do Idoso (FUMDI), atendia 75 idosos, com aulas duas vezes por semana.

Além das aulas, oferecidas de forma gratuita, os participantes contavam com transporte, alimentação e uniforme fornecidos pelo projeto. Os encontros eram realizados pela Associação Caxiense de Canoagem (Accan), com quatro professores de Educação Física.

A outra situação apresentada pelo grupo foi a mudança de horário das aulas do programa Conviver, no salão da comunidade. Segundo eles, as aulas de ginástica com os professores da Smel aconteciam às quartas-feiras pela manhã e, neste ano, passaram a ser realizados à tarde, o que estaria inviabilizando alguns idosos de participarem das atividades.

Meneguzzi recebeu os pedidos e irá encaminhá-los à Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo (CECTICDLT). O objetivo desse passo é que o grupo de parlamentares promova o entendimento e o diálogo entre as demandas da comunidade e os serviços a serem oferecidos pelo poder público. “Já fizemos contato com a Smel e com a FAS para entender o que está acontecendo. Com isso, vamos dar as respostas aos líderes comunitários e dar os encaminhamentos internos da Casa, para que se promova o diálogo sobre essas solicitações da população”, sublinha.

Meneguzzi visita moradores e ouve demandas no Rota Nova e no loteamento Industrial

janeiro 7, 2018

Parlamentar se comprometeu na união de forças para atendimento às solicitações

O presidente da Câmara, vereador Alberto Meneguzzi (PSB) visitou, na tarde deste sábado, 06 de janeiro, o Residencial Rota Nova, no loteamento Mattioda. Além de ouvir demandas, Meneguzzi visitou alguns apartamentos, como o do casal Thiago e Maiara da Luz. Eles moravam às margens da ERS-122 (Rota do Sol), no loteamento Industrial.

Em 07 de maio de 2017, o parlamentar foi chamado por um grupo de pessoas ali residentes, que reclamavam das informações desencontradas sobre a ocupação do residencial. “Na casa do Thiago e da Maiara viviam também os dois filhos deles e a situação era complicada, porque tinha frestas nas paredes, o esgoto quase invadia o local. Visitar eles no Rota Nova e ver a simplicidade de ir adquirindo os móveis, as coisas para casa aos poucos e com alegria, me faz reforçar cada vez mais o pensamento de que não se precisa de muito para viver”, comemora o vereador.

Em maio de 2017, dadas as dificuldades na obtenção das informações, os moradores planejavam bloquear a ERS-122, foi aí que Meneguzzi pediu que não fizessem tal ato até a chegada de informações oficiais. Na semana seguinte, o parlamentar procurou a então secretária de Habitação, Tatiane Zambelli, que explicou toda a situação e pediu para tranquilizar as famílias. Com a chegada de Elisandro Fiuza na pasta, em junho, Alberto também buscou meios de intermediar o diálogo entre as partes.

Atualmente, a principal demanda está na iluminação pública da rua Pedro Dedavid. Em 2017, o Executivo havia prometido a instalação para o final de novembro e isso ainda não aconteceu. Com isso, Meneguzzi se comprometeu a levar novamente a situação tanto à Secretaria de Obras e Serviços Públicos quanto ao gabinete do prefeito, na intenção de unir forças. “Iluminação pública também é sinônimo de segurança e, sobretudo em nome da segurança deles, de suas famílias e das crianças que moram ali, vou buscar intermediar diretamente com o Município a colocação das luminárias o quanto antes”, aponta.

Alberto Meneguzzi também foi até o loteamento Industrial, onde conversou com moradores da Rua Guaporé, via que sofre com o pó e os buracos, por ser um declive acentuado. Lá, também, confirmou que intermediará ações para pedir melhorias na região

Meneguzzi reencaminha demandas não executadas à Secretaria de Obras

dezembro 18, 2017

Envelope também foi enviado ao secretário de Governo, Luiz Caetano

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) reencaminhou, na manhã desta segunda-feira, 18 de dezembro, documentação referente às demandas não atendidas pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos durante o ano de 2017. O envelope, contendo 45 solicitações entre ofícios e indicações foi endereçado ao chefe da pasta, Leandro Pavan. Uma cópia semelhante do material foi entregue ao secretário de Governo, Luiz Eduardo da Silva Caetano.

No montante de documentos estão problemas com redes de esgoto, lâmpadas de iluminação pública, buracos na pavimentação viária e outras demandas de infraestrutura. O material foi compilado dentre as 284 indicações protocoladas pelo gabinete do parlamentar durante o ano de 2017 e dos ofícios encaminhados a partir das solicitações recebidas por meio do aplicativo Acredita Caxias.

“Quando as pessoas procuram os vereadores, na maioria das vezes, elas já tentaram todas as possibilidades, como Alô Caxias, protocolo geral e muitas vezes mesmo a imprensa. Grande parte das nossas demandas foi atendida, mas ainda temos algumas que verificamos que apesar de terem sido solicitadas há mais de 90, 120 ou 180 dias, não receberam sequer respostas ou foram resolvidas. Queremos, pelo menos, que nos deem uma resposta. O contribuinte quer respostas, se é possível ou não”, comenta Meneguzzi.

Da documentação entregue, grande parte das demandas já tem protocolo junto ao Alô Caxias, mas estão sem movimentação há várias semanas no sistema da prefeitura. Até a última sexta-feira, 15, o parlamentar havia protocolado 284 indicações, o que representa um percentual de 16% do total encaminhado pela Câmara durante o ano de 2017.

Acredita Caxias completa 90 dias com 77% das solicitações atendidas

dezembro 11, 2017

Software chegou aos 300 downloads nesta segunda-feira e já recebeu 54 demandas

Lançado em 11 de setembro, o aplicativo Acredita Caxias, completa nesta segunda-feira, 11 de dezembro, três meses de lançamento, com a marca de 300 downloads. Além disso, a ferramenta idealizada pelo vereador Alberto Meneguzzi (PSB), contabiliza 54 demandas recebidas, das quais 42 foram atendidas ou estão em fase de execução pelo poder público. O montante representa uma média de 77,7% na efetividade das solicitações.

Entre os pedidos, destacam-se os buracos em vias e calçadas, a poda e coleta ou supressão de árvores, a substituição de lâmpadas de iluminação pública e o vazamento de esgoto, ocasionado pelo rompimento das redes. “Uma média de 100 downloads por mês mostra que a comunidade está se apropriando dessa ideia e isso vem dando resultado. A criação desse aplicativo é uma forma de auxiliar a comunidade na solução dos seus problemas”, comemora Meneguzzi.

Atualmente, o software está disponível para smartphones com sistema operacional Android e também para os celulares da Apple. Desde a última sexta-feira, 09 de dezembro, o Acredita Caxias também conta com um menu específico para os contribuintes denunciarem os preços abusivos ou propagandas enganosas praticadas pelos postos de combustíveis. “Essa ferramenta é simples, porque não demanda de muita coisa, somente de atenção ao cidadão que envia sua solicitação”, comenta.

O aplicativo recebeu o prêmio Projeto Inovador 2017, em novembro durante o 5º Congresso Paranaense de Cidades Digitais, em São José dos Pinhais. A distinção foi entregue às iniciativas que buscam técnicas ou ferramentas que ainda não eram utilizadas e que gerem resultados positivos para a gestão pública e vida dos cidadãos.

 

O que é esse aplicativo?

O aplicativo Acredita Caxias surgiu para facilitar o acesso da população ao gabinete e dar acompanhamento efetivo às demandas e pedidos da comunidade, além de poder fiscalizar as linhas do transporte coletivo. Depois de fazer o download gratuito, em seus smartphones, e realizarem um cadastro simples, com nome, e-mail e telefone, os cidadãos poderão fotografar a situação que necessita de encaminhamento, preencher um pequeno histórico do problema e enviar para o gabinete.

Como funciona?

A partir daí, os dados e contatos ficam armazenados nos computadores da equipe do gabinete, que fará os encaminhamentos para os devidos departamentos e dará feedbacks aos cidadãos via notificações do aplicativo, na tela do celular. O processo será acompanhado desde o seu início até a sua conclusão por parte do Executivo.

 

Já baixou o aplicativo?

Para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.app.acreditacaxiasdosul

Para Apple: https://www.pwastore.com/pwa/9ada9a944f20