Meneguzzi Nenhum comentário

Plataforma chega ao mercado para descomplicar processos

O setor de eventos foi um dos mais atingidos pela pandemia da Covid-19 no mundo inteiro, obrigando empresas e profissionais a repensar sua forma de trabalho e a entrega de experiência ao público. Com a retomada acontecendo a partir do segundo semestre de 2021, esse mercado se depara com novos desafios: necessidade de mais agilidade, menos burocracia, além da otimização dos recursos humanos e financeiros.

A empresária e idealizadora da plataforma EVNT360, a gaúcha de Caxias do Sul, Michele Santos, avalia o setor e seus gargalos fundamentada em sua experiência na área e por entrevistas realizadas entre 2020 e 2021 com mais de 50 organizadores de eventos de diversas partes do Brasil. As principais dificuldades apontadas foram a demora na validação e aprovação de propostas com clientes, cotações com artistas, custos de execução e falta de recursos humanos.

Com a retomada, o setor precisará dar conta da demanda represada e da entrega de eventos adiados pela pandemia. Porém, os organizadores já se deparam com poucas datas disponíveis nos principais locais do Brasil.

A mesma situação acontece com artistas, que estão entregando agora shows que estavam na agenda de 2020. Cumprir contratos ou viabilizar novos espetáculos exigirá pensar em alternativas de datas, locais e formatos. Ou seja, toda a cadeia ainda está se readaptando.

Por esse motivo, a empresária investiu em 2020 na criação de uma plataforma para fomentar conexões e democratizar o acesso a informações segmentadas para o setor.

A EVNT360 usa inteligência de dados para gerar eficiência no planejamento de eventos de entretenimento e corporativos. A partir desta ferramenta os processos de decisão serão mais rápidos e gerarão mais negócios. “Informação é poder, por isso estamos cadastrando empresas referenciadas, locais e artistas para oferecer as condições para que contratantes e contratados realizem mais e melhores negócios”, afirma Michele.

Atualmente, os canais utilizados para buscar indicações e recomendações entre os profissionais do setor são grupos de WhatsApp, contatos com parceiros, grupos em redes sociais, ligações e e-mails, gerando perguntas e respostas repetitivas que dependem sempre da disponibilidade e interesse de outra pessoa em ajudar. Porém, com a disponibilidade de base de dados relevante e confiável, todo o mercado pode se beneficiar. Além disso, a EVNT360 possibilita que os usuários colaborem no abastecimento da plataforma.

Michele relata que há situações em que receber o valor de cachê e disponibilidade de agenda de atrações, por exemplo, pode levar até sete dias. Enquanto a ferramenta se propõe a solucionar isso em menos de cinco minutos.

Como funciona a plataforma:

O propósito da EVNT360 é levar tecnologia para o setor de eventos que ainda é altamente analógico. Gerar mais eficiência e maior transparência nos negócios. Para isso, a plataforma proporciona uma série de facilidades para quem precisa montar um evento:

– Match: Ao inserir os dados do evento a ser realizado, o usuário verifica a disponibilidade do local e da atração com seus custos aproximados.

– Pesquisa por atrações: O usuário pode pesquisar atrações por nome, estilo ou faixa de cachê.

– Pesquisa por locais: O usuário encontra locais com especificações técnicas, fotos e valor da diária.

– Pesquisa por fornecedores e produtoras: Mostra fornecedores e profissionais recomendados e avaliações.

Entre os diferenciais da EVNT360 está a “agenda”, usada como ferramenta estratégica para contratantes e fornecedores. Ao visualizar os eventos confirmados por região ou data, será possível gerar e aproveitar oportunidades, economizando em logística, cachês e contratações. Além disso, ao mostrar o valor aproximado de cachês, a plataforma otimiza a decisão pela contratação, reduzindo tempo e burocracia existentes.

A startup oferece plano de assinatura para sete dias, 30 dias ou 90 dias de acesso; concierge – para clientes que precisam de atendimento personalizado e planos de patrocínio, onde empresas podem investir para se destacar.

A EVNT60 conta com cinco sócios, nas áreas de programação, marketing e gestão. Até o momento já foram investidos mais de R$ 100 mil e a projeção de faturamento anual é de R$ 50 milhões.  A plataforma conta com o interesse de investidores internacionais.

Informações completas sobre o funcionamento podem ser acessadas em www.evnt360.com.br

Entrevista com a idealizadora da plataforma, Michele Santos, pelo telefone (54) 99195.3556.

Mercado e as tendências do setor de eventos

No Brasil o setor de eventos vinha crescendo cerca de 10% ao ano, representando mais de 4% do PIB. Dados da Moblee.com apontam que antes da pandemia eram realizados anualmente mais de 500 mil eventos no País, com um faturamento de R$ 69 bilhões. Porém, o mercado estima que os números podem ser ainda maiores, haja vista que as informações do setor ainda não são totalmente organizadas e mensuráveis.

Uma das tendências que já estava prevista e foi acelerada em função da pandemia são os eventos online. Segundo estudo da empresa norte-americana Grand View Research a indústria de eventos virtuais crescerá de US$ 94 bilhões (2020) para US$ 404 bilhões em 2027. Esta mudança de cenário representa uma maior participação dos eventos online na indústria global de eventos, a qual estima chegar a US$ 1.552,9 bilhões até 2028, de acordo com o relatório publicado pela Allied Market Research.

As tendências do setor giram em torno de novos formatos de eventos no âmbito corporativo e de entretenimento. Além dos eventos online, os investimentos estão sendo aplicados em eventos híbridos, com participantes e palestrantes remotos e a conexão de vários locais via Multi Hub Meeting. Com as mesmas vantagens dos eventos online, este formato possibilita uma interação com o público mais parecido com o formato presencial. No crowd streming os organizadores mostram o evento em tempo real, além de convidar pessoas para acompanharem o conteúdo. A gamificação em eventos permite usar regras, objetivos, sistemas de pontuação e prêmios para estimular o público a participar do jogo. Já os micros eventos trazem uma experiência mais exclusiva e intimista.

A tecnologia está totalmente inserida nestes novos formatos de eventos através da automação para a captura de leads, usando códigos de barras e QR Codes; conteúdos diversos com transmissões ao vivo, conteúdos gravados, podcasts e artigos; Swag bags e brindes digitais como conteúdos premium ou cupons de desconto em lojas, produtos e serviços; utilização de vinhetas, Motion Graphics, trilha sonora, Croma Key e mais de uma câmera e também o uso de recursos de acessibilidade como libras e Closed Caption. Ferramenta de interatividade via aparelhos tecnológicos como painéis eletrônicos, totens touch, roletas, tablets, chat interativo, QR Code na tela, banners interativos e até links clicáveis na descrição do conteúdo.

Margô Segat – Jornalista MTb 10064

(54) 99965.0115 \ (54) 3028.0907

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.