Meneguzzi Nenhum comentário

A lei que inclui Caxias do Sul e Farroupilha na Rota Cervejeira do Estado foi aprovada recentemente pela Assembleia Legislativa. A Serra, tradicional pela produção de vinhos, passa agora a ser conhecida também como um dos principais polos cervejeiros do país. Caxias é o terceiro município em número de cervejarias artesanais, só perdendo para Porto Alegre e Nova Lima (MG). São 16 cervejarias no Município, segundo o Ministério da Agricultura, mas a Associação dos Produtores de Cerveja da Serra Gaúcha (Aprocerva) ressalta que são 24 empresas ativas, fabricando entre 160 mil e 200 mil litros por mês.

Apesar de o setor estar em franca expansão, os números mostram que somente 1% da cerveja consumida no Brasil é especial, propiciando o crescimento do setor. No ranking nacional, o Rio Grande do Sul é também o primeiro em número de fábricas de cerveja, à frente de São Paulo. Em 2018, foram abertas 44 novas empresas do ramo, chegando a 186 (quase 21% do total nacional). Com 889 fábricas, o Brasil somou, em 2018, 210 a mais do que em 2017 (+30%). Em média, pode-se dizer que a cada dois dias uma cervejaria abre as portas no país.

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGEG) mostram também que só de janeiro a outubro de 2018, 1.757 empregos foram gerados por cervejarias. As empresas de pequeno porte (até 99 funcionários) – foram as que mais abriram vagas: 951 (54,13%). O destaque vai para as cervejarias artesanais independentes, com até quatro colaboradores, responsáveis por 800 novas vagas.

Esse resultado mostra a força do segmento e evidencia a atuação de empresas que estão iniciando ou se estruturando agora. A inclusão de Caxias e Farroupilha na Rota Cervejeira cria uma alternativa importante para a geração de emprego e renda e turismo. Para isso, foi fundamental o trabalho conjunto da Câmara de Vereadores, empresários cervejeiros, CIC, Prefeitura de Caxias, Governo do Estado e Assembleia Legislativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *