Meneguzzi Nenhum comentário

Matéria está ligada à cultura caxiense e busca firmar a realização anual do evento

O Projeto de Lei (PL) 123/2017, que institui a Semana Municipal da Fotografia, estará na pauta de discussões e votação do plenário da Câmara nesta quinta-feira (30/11). Idealizada pelo vereador Alberto Meneguzzi (PSB) e protocolada em agosto deste ano, a matéria recebeu parecer favorável das comissões de Constituição, Justiça e Legislação e de Educação, que abrange a área cultural.

De acordo com o parlamentar, o evento é organizado por diversas entidades desde 2008, mas não possui regulamentação. A iniciativa visa firmar realização anual, independentemente de qualquer administração que esteja à frente do Executivo.

O PL propõe que o evento aconteça anualmente, na segunda quinzena de agosto, lembrando o dia 19 do mesmo mês, quando é comemorado o Dia Mundial da Fotografia. “A Semana da Fotografia já existe, e a Secretaria Municipal da Cultura é a realizadora dessa programação, que conta com diversos parceiros, como a própria UCS, a FSG, o Clube do Fotógrafo e a Sala de Fotografia. No entanto, sem essa lei e com o atual cenário de desmonte da cultura caxiense, a cada ano, é uma incógnita saber se vai acontecer ou não, se a Secretaria de Cultura e a Prefeitura abraçam ou não”, explica Meneguzzi.

A Semana Municipal da Fotografia visa à valorização dos fotógrafos caxienses, bem como dos acervos fotográficos do município e a proximidade cultural dos cidadãos ao segmento. “Fotografia é história e comunicação ao mesmo tempo. Ao longo das edições, a programação foi crescendo e ganhou uma expressão importantíssima. São exposições, cursos, oficinas, workshops, dentre outras atividades, sendo que a maioria possui acesso gratuito à população”, justifica.

Além de expandir as fronteiras da fotografia na cidade, a Semana da Fotografia faz uma reflexão do passado da arte, em Caxias do Sul, ao relembrar e homenagear importantes nomes de fotógrafos caxienses, como Domingos Mancuso, Walter Brugger, Joel Jordani, Mauro de Blanco e Ulysses Geremia.

Lideranças dos segmentos cultural e fotográfico devem se fazer presentes no plenário da Câmara durante a votação. Meneguzzi espera que a proposta tenha boa aceitação junto aos vereadores. “Diante desse furacão com a cultura de Caxias, a aprovação desse Projeto só vem a firmar o propósito de que nós apostamos na cultura como educação e formação crítica dos cidadãos”, comenta.

O projeto tem apoio da bancada do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e contou com a assinatura dos vereadores Edi Carlos Pereira de Souza e Elói Frizzo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *