Meneguzzi Nenhum comentário

Parlamentar cobra providências mais eficazes da administração pública

O vereador Alberto Meneguzzi/PSB se pronunciou, na sessão desta terça-feira (23), sobre reclamações de cidadãos sobre problemas na prestação de serviços públicos, durante a pandemia do Coronavírus. Entre elas, reclamações de usuários sobre a superlotação no transporte coletivo, em especial, na linha 29 – Jardim Iracema, onde há excesso de passageiros sentados e viajando de pé nos coletivos.

No dia 18 de junho, Meneguzzi encaminhou uma Indicação à Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMTTM), solicitando incremento na fiscalização. Entretanto, o problema ainda persiste. “Um total desrespeito e descumprimento de contrato, a população tem que ser chamada a trabalhar e o ônibus abarrotado de gente. Quero saber qual é a providência de fato da Secretaria de Transporte. Está insuportável o desrespeito com o cidadão, que precisa do transporte coletivo e a Visate tirando 40 ônibus sem avisar a Secretaria”, ressaltou.

Alberto Meneguzzi também ressaltou as reclamações recebidas de consumidores dos serviços de água e energia elétrica, sobre o aumento dos valores cobrados pelo Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgotos (Samae) e da Rio Grande Energia (RGE). Ele criticou o aumento dos valores e a expectativa de reajuste por parte da concessionária de energia elétrica, que segundo os reclamantes, chegaram a subir de R$ 60 para mais de R$ 300.

A população está sofrendo. Eu recebo infinitas mensagens de pessoas, que tem que correr atrás para ver se diminui a conta de água e de luz. Além disso, o prêmio da pandemia é 6% de reajuste na conta da RGE, a partir do mês que vem. Isso é irritante e desgastante para a população”, salientou.

Ouça a notícia em podcast

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *