Meneguzzi Nenhum comentário

Requerimento está baseado em denúncias de superlotação e problemas na prestação do serviço

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) protocolou, na manhã desta quinta-feira, 24 de janeiro, pedido de informações à prefeitura, sobre o funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento 24h, a UPA Zona Norte. No requerimento, o parlamentar solicita informações sobre o quadro funcional, o número de atendimentos e também cópia dos relatórios da fiscalização realizada pela Comissão de Avaliação da Secretaria Municipal da Saúde a cada trimestre.

No primeiro item, o vereador pede quantos atendimentos a UPA realizou, mês a mês, de 20 de setembro de 2017 até 20 de janeiro de 2019, com a devida indicação da classe de risco. A intenção da pergunta é comparar o crescimento da demanda após o fechamento do Pronto Atendimento 24h, para reformas. Meneguzzi ainda questiona se houve reclamações de usuários da Unidade junto à ouvidoria da Secretaria Municipal da Saúde e quais foram as medidas adotadas.

Composto por sete questões, o pedido de informações também apura denúncias de possíveis acúmulos de plantões de horas extras a enfermeiros, técnicos e demais profissionais. De acordo com Meneguzzi, diversas reclamações de demora no atendimento, superlotação e falta de materiais motivaram o requerimento. “Não sabemos quem é a comissão que fiscaliza o IGH, empresa que gere a UPA. Da mesma forma, não temos acesso aos relatórios desse colegiado. Existe um inquérito civil que apura irregularidades e falta de materiais. Inclusive, continua a falta de compressas e uma ambulância que não é ambulância, onde os pacientes precisam ir com a maca sentada. São quase R$ 2 milhões por mês que pagamos e precisamos de um serviço de excelência”, completa.

O requerimento deve entrar na pauta da sessão representativa da terça-feira, 29 de janeiro e, se aprovado, o Executivo terá 30 dias para responder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *