Meneguzzi Nenhum comentário

Parlamentar esteve em Alto Feliz, Feliz e Vale Real, onde também tratou sobre a Rota das Cervejarias

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) visitou, na manhã desta sexta-feira, 03 de maio, as cidades de Feliz, Alto Feliz e Vale Real, no Vale do Caí. Ele se encontrou com os prefeitos de cada um dos municípios, com objetivo de conhecer as políticas de desenvolvimento econômico e atração de empresas e também tratou sobre a Rota das Cervejarias Artesanais do Rio Grande do Sul, sendo que Caxias do Sul busca adesão a esse roteiro.

Na primeira agenda, Meneguzzi foi recebido pelo prefeito da cidade de Feliz, Albano Kunrath (MDB). O chefe do Executivo explicou que o município atraiu, ao longo de uma década, quatro empresas caxienses, sendo que 35% da economia local são representados pela indústria. Feliz conta com o Fundo Municipal de Desenvolvimento, que prevê o ressarcimento de 75% dos investimentos, em 15 anos, através do ICMS. Além disso, o poder público auxilia os novos empreendimentos com brita e terraplanagem.

Em Alto Feliz, o vereador se reuniu com Paulo Mertins (PTB), que atua na cidade desde a sua emancipação, em 1992. Durante a visita, Meneguzzi também entregou o livro que faz memória dos 127 anos da Câmara de Caxias do Sul. Já o prefeito fez o convite para a Alto Fest, no mês de outubro.

Já na cidade de Vale Real, o prefeito Edson Kaspary (PT) recebeu Meneguzzi, sendo que ambos trataram sobre o desenvolvimento econômico local. Segundo o prefeito, empresas de Caxias do Sul estão buscando a abertura de filiais no Vale do Caí, sobretudo pela adesão à lei municipal que permite o retorno do ICMS. Ainda de acordo com ele, a normativa ajuda na geração de emprego, uma vez que só permite a contratação de mão de obra local.

Meneguzzi avalia como positivos os encontros com os prefeitos, sobretudo para a troca de experiências. Ele pretende buscar junto do Executivo Estadual e da Assembleia Legislativa a inclusão de Caxias do Sul na Rota das Cervejarias ainda neste ano de 2019. “Precisamos saber como estão nossos vizinhos, alargar nosso campo de visão e também aprender com as cidades menores. Sou parceiro dessas lutas pelo desenvolvimento econômico e geração de emprego. Vamos construir ideias, sugestões e propostas”, completa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *