Meneguzzi Nenhum comentário

Parlamentar pede ampla discussão sobre o modelo adotado pelo Município

O vereador Alberto Meneguzzi/PSB repudiou, na sessão desta quinta-feira (27), sobre o aumento da tarifa do transporte coletivo. O valor decretado pelo Executivo foi de R$ 4,65, representando um reajuste de 9,41% em relação à passagem atual de R$ 4,25. “Um abuso”, afirmou o parlamentar. “Não se trata de demagogia, a ponto de não dar reajuste, mas este foi altíssimo. Um dos maiores índices dos últimos anos para tarifa do transporte coletivo urbano de Caxias”, afirmou.

Meneguzzi ressaltou os valores das tarifas, desde 2017, no início do governo anterior, que totalizou 23,64 %. O vereador comparou o reajuste acumulado no período ao aumento concedidos a várias categorias de trabalhadores.

O parlamentar destacou que, este ano, segundo dados oficiais dos sindicatos de trabalhadores, os metalúrgicos receberam 5,28 % de aumento; os comerciários, 3,31%; os empregados da construção civil, 4%; do vestuário, 5%; e os da saúde receberam 4,6% de dissídio salarial. ”Qual a categoria de trabalhadores teve um reajuste acumulado de 23,64% do seu salário em quatro anos”, questionou Meneguzzi, ressaltando o percentual da nova tarifa.

Alberto Meneguzzi também pediu um amplo debate sobre o sistema de transporte coletivo. “O Conselho de Trânsito e Transporte precisa discutir constantemente a questão do transporte público ou vamos ficar apenas debatendo sobre gratuidades ou sobre os dissídios. O aumento dos rodoviários foi de 4,5% e a passagem aumentou 9,41%”, ressaltou.

Ouça a notícia em podcast

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *