Meneguzzi Nenhum comentário

Em sua fala, presidente do Legislativo ressaltou a importância da educação na construção do caráter 

O presidente do Legislativo caxiense, vereador Alberto Meneguzzi (PSB), presidiu, na noite de sábado, 1º de dezembro, a solenidade que outorgou à Escola Estadual Abramo Eberle o Prêmio Caxias do Sul, na passagem dos seus 75 anos de fundação. A cerimônia aconteceu durante jantar realizado no restaurante Don Augusto, por iniciativa da vereadora Gladis Frizzo/MDB, e contou com a presença de centenas de pessoas, entre alunos, familiares e egressos do colégio.

Em seu pronunciamento, Meneguzzi ressaltou a importância da educação na construção do caráter das crianças, adolescentes e jovens e pediu que ninguém desista da educação. “Sabemos das dificuldades da educação pública, mas vale o nosso esforço, seja como professores, alunos, pais ou políticos, para que nossos estudantes sejam cidadãos melhores”, salientou.

Na oportunidade, Gladis fez uso da palavra em nome do Parlamento caxiense. Ela enalteceu o trabalho da instituição, cujas atividades remontam a 1º de dezembro de 1943. No ano de 1971, foi inaugurado o novo prédio do Grupo Escolar Abramo Eberle, onde funciona até hoje. Em 12 de dezembro de 2000, pela portaria de alteração de designação 00313, o colégio passou a se chamar Escola Estadual de Ensino Fundamental Abramo Eberle, localizada no bairro Jardim América.

De acordo com a vereadora, atualmente, a escola comporta, em média, 300 alunos entre os turnos da manhã e da tarde, contemplando o Ensino Fundamental de nove anos. Conta também, com um quadro de 30 profissionais da educação, incluindo equipe diretiva, professores e funcionários. “Estive pensando: quantos jovens, quantas crianças receberam, nessa escola, o conhecimento e o ensinamento? É uma escola de primeira qualidade. Esperamos que ela possa formar muitas celebridades, médicos, professores, enfermeiros e todas as profissões que nos ajudam a viver melhor”, apontou.

Após receber o Prêmio Caxias do Sul, a diretora da Escola Estadual Abramo Eberle, Maria Mesquita, agradeceu a homenagem da Câmara Municipal à instituição. Segundo ela, ao longo dos seus 75 anos, o colégio manteve um dos preceitos de seu patrono, a família. “Nós sempre dizemos: é como uma grande família. E são sete décadas e meia de de conquistas, de vitórias, de construção e de luta para que a educação pública cumprisse seu papel de formar cidadãos”, finalizou.

Além de Gladis e do chefe do Legislativo, Alberto Meneguzzi, também estavam presentes o presidente da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo (CECTICDLT), vereador Paulo Périco/MDB e demais autoridades políticas e do segmento educacional. A cerimônia contou, ainda, com apresentações artísticas de estudantes da instituição.

O Prêmio Caxias do Sul foi instituído pelo decreto legislativo 186/A, de 8 de setembro de 2006, a partir da iniciativa dos ex-vereadores Francisco de Assis Spiandorello e Getulio Demori. É outorgado a pessoas ou entidades, locais ou de outros municípios, que se destaquem por serviços prestados à comunidade caxiense, nos mais diferentes campos de ação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *