Meneguzzi Nenhum comentário

Vereador apresentou 75 indicações, 105 ofícios e cinco projetos de lei, sendo que a maioria visa a transparência

O vereador Alberto Meneguzzi (PSB) encerra o primeiro semestre de 2019 com 100% de presença nas votações dos projetos, durante as plenárias do Legislativo caxiense. Ele ainda apresentou 75 indicações de melhorias e sugestões de obras para o Executivo, 105 ofícios e cinco projetos de lei, sendo que um deles: que dá validade jurídica aos atos de pessoal do poder público caxiense somente após sua publicação no Diário Oficial Eletrônico, recebeu aprovação unânime dos parlamentares e aguarda sanção do prefeito.

Junto com o vereador Kiko Girardi (PSD), propôs que a Câmara, prefeitura, Festa da Uva, Codeca, IPAM e o Samae transmitam, ao vivo, os processos licitatórios, pelas redes sociais. Meneguzzi é autor do projeto de lei que visa a orientação de idosos que frequentam casas lotéricas e agências bancárias sobre golpes financeiros, com o conto do bilhete premiado. Relacionado a isso, protocolou Projeto de Lei Complementar para punir e cassar alvarás de funcionamento de estabelecimentos financeiros que abordarem idosos nas ruas.

Por iniciativa de Meneguzzi, endossada por outros 11 vereadores, está em tramitação na Câmara uma emenda à Lei Orgânica Municipal que veda a contratação de Cargos de Confiança (CCs) que tenham parentesco, no âmbito do poder público de Caxias do Sul. Ele diz manter a postura a qual se comprometeu no início do mandato, em janeiro de 2017: transparência, fiscalização, proposição de caminhos e indicação de propostas. “Tenho sido incansável. Foram diversas reuniões até aqui, inúmeros ofícios, indicações, projetos, falas na tribuna e encontros para intermediar soluções para o bem da comunidade. Esse é o meu papel: ouvir, fotografar, levar à tribuna, indicar soluções e também fazer denúncias. Nenhuma luta é em vão”, salienta.

Além dos cinco projetos protocolados em 2019, outras 15 proposições foram apresentadas por Meneguzzi em 2017: 12 de autoria própria e três em conjunto com a bancada do PSB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *